Please enable JS

RECUPERAÇÃO DE MAC

ANÁLISE
SEGURA
Procedimentos realizados em ambiente controlado, por equipe certificada e com longa experiência em Mac OS X e macOS.
TÉCNICAS
EFETIVAS
Ações de recuperação de dados executadas por gestores de sistemas Unix-like, graduados em áreas da informática.

INCIDENTES ATENDIDOS

DANO LÓGICO

ERRO EM FILESYSTEM

Recuperação de dados perdidos em Mac por deleção, partição (HFS, APFS, etc.) danificada ou falha em CoreStorage.

DANO FÍSICO

FALHA EM DRIVE

Ações para reverter perda de arquivos por problemas com HD, SSD, Fusion Drive e NVMe, M.2, incluindo storage.

AMBIENTES RECUPERADOS

A recuperação em Mac abrange as arquiteturas IBM PPC (PowerPC) RISC e Intel x86. São suportados sistemas operacionais Apple usados em Macintosh iMac, PowerBook Duo/G3/G4, Mac Mini, Macbook Air/Pro, eMac, mini server e Xserv (servidor de arquivos, cluster, etc.).

CLASSIC MAC OS

System e Mac OS 7-9

MAC OS X 10.0-10.3

Cheetah/Puma/Jaguar/Panther

MAC OS X 10.4-10.7

Tiger/Snow Leopard/Lion

OS X 10.8-10.11

Lion/Maverick/Yosemite/Capitan

macOS 10.12-10.15

High Sierra/Mojave/Catalina

MAC/macOS SERVER

Mac OS X Server / macOS

FALHAS
COMUNS

O fato de ser desenvolvido pela gigantesca Apple e ser derivado do BSD e do Darwin, torna o Mac menos vulnerável a diversos tipos de incidentes e mais resistente a falhas de discos e erros de filesystem. Mesmo assim, ele está sujeito a falhas como qualquer outro sistema operativo.

Os desastres mais comuns com perda de dados em ambientes Apple estão relacionados a falhas em HD, SSD e outros drives de armazenamento. Ainda há incidentes com particionamento, volumes (CoreStorage) e sistemas de arquivos (APFS, exFAT, HFS, HFS+, ZFS, etc.), incluindo erros humanos (deleção acidental de conteúdo) e delitos digitais (deleção proposital). Também são relatados alguns casos isolados de inacessibilidade devido a falhas de kernel (kernel panic).

Dispositivos com sistema Mac inacessível devem ser, rapidamente, desativados

SOBRE
MAC OS

O primeiro sistema operacional criado pela Apple foi o System, em 1984. Posteriormente, seu nome foi mudado para Mac OS (também conhecido por Mac OS Classic). Em 2001, ele foi todo restruturado, com base no BSD, dando origem ao Mac OS X. Ele foi um marco na história dos computadores pessoais, por combinar um belo design gráfico com estabilidade e segurança. O atual núcleo dos sistemas Mac é o microkernel XNU.

O file system mais usado em computadores Mac é o HFS (Hierarchical File System), criado em 1984. Ele tinha atributos inovadores para aquela época, como o suporte a volumes até 2TB. Em 1998, um projeto com diversos melhoramentos e novas características levou a criação do HFS+ (HFS Plus ou HFS Extended), um filesystem bastante superior a seu predecessor, mais robusto e seguro. Em 2017, foi lançado o APFS (Apple File System), com diversas otimizações para SSD e caraterísticas semelhantes ao ZFS. Ele vem como padrão na instalação ou atualização para MacOS High Sierra.

SOLUÇÕES
OFERECIDAS

A recuperação de Mac (recuperação de dados em Mac OS, Mac OS X, OS X e macOS) consiste nos procedimentos realizados por pessoal devidamente capacitado e com infraestrutura apropriada, para recuperar informações perdidas, apagadas ou corrompidas, em sistemas Apple Macintosh.

A equipe da Hosco é bastante requisitada para recuperar conteúdos em ambientes Mac por ser a única que possui muitos anos de experiência real e certificações em plataformas Unix, incluindo BSD e Oracle. Esses atributos fazem com que a recuperação ocorra de modo seguro, eficaz e com a garantia de integridade dos arquivos reparados.

Os processos de análise, diagnóstico e recuperação são elaborados e supervisionados por um analista de sistemas e de segurança da informação, com ampla experiência em perícia digital. Todos os procedimentos são executados nas dependências da Hosco, por seus funcionários. Os trabalhos em discos danificados são realizados em laboratório controlado.

As soluções incluem recuperação de dados em HFS, HFS+, ZFS, exFAT, APFS, volume lógico Core Storage e encriptação FileVault com algoritmo XTS-AES de 128 bits.

RECOMENDAÇÕES

Qualquer tentativa de reparo em um ambiente degradado pode agravar a perda de dados, diminuindo a probabilidade de sucesso com uma recuperação profissional ou elevando o custo deste tipo de trabalho.

Ações realizadas por pessoal não capacitado podem causar perda definitiva de conteúdo. Portanto, é altamente recomendado desligar, imediatamente, o equipamento Macintosh e seus discos, assim que for notado qualquer erro ou falha. É recomendado consultar a Hosco para receber a devida orientação.