Por favor, habilite JavaScript para poder visualizar esta página corretamente.

RECUPERAMOS NAS

Há 20 anos, nossa equipe recupera dados em Network-Attached Storage (NAS)

Servidores em Data Center de Hosco

NOSSOS
ATRIBUTOS

EXPERIÊNCIA

Referência na recuperação de dados em storage NAS enterprise

CONFIANÇA

Ações conduzidas por equipe certificada LPI, Oracle, MS etc.

EFICIÊNCIA

85% de eficiência real e 20TB ao dia em capacidade de reparo

CREDIBILIDADE

Temos data center, lab. para recuperar HD e software próprio


EQUIPE
QUALIFICADA

Analistas com certificados relevantes e com experiência real em recuperar NAS de servidores de grandes empresas.

ESTRUTURA
ENTERPRISE

Laboratório para reparar HDs e SSDs. Data center com capacidade para recuperações em storages acima de 40 drives.


PLATAFORMAS SUPORTADAS

APPLIANCES

Recuperação de dados em NAS com o sistema embarcado do fabricante (Oracle, IBM, Dell, HPE, Qnap, Synology, etc.).

SERVIDORES

Reparo de arquivos inacessíveis em NAS controlado por servidor com Unix-like (FreeNAS, NAS4Free, OMV, ZFSSA etc.).

PROTOCOLOS SUPORTADOS

NFS
(Network File System)

Soluções para perda de dados em storages ou datastores com compartilhamento NFS. Ações realizadas por equipe LPIC.

SMB
(Server Message Block)

Reparo de informações perdidas em diretórios de storages Windows ou Unix, com compartilhamento por SMB ou SAMBA.

FTP
(File Transfer Protocol)

Ações para reversão de desastres em servers com diretório baseado em FTP e suas derivações (FTPS, SFTP e TFTP).

ISCSI
(SCSI em Rede)

Soluções para recuperar storages NAS com recursos (LUNs) disponibilizados por protocolo ISCSI (comandos SCSI).

RSYNC
(Sync Files)

Reação à desastres ocorridos em equipamentos NAS e servidores Linux de backup (incremental), baseados em rsync.

FABRICANTES ATENDIDOS

O serviço de recuperação de dados em servidores e storages NAS engloba plataformas, appliances e computadores, entry-level à high-end. Inclui sistemas que suportam grandes cargas (escaláveis e de alta disponibilidade), soluções de médio porte, servidores de arquivos para microempresas, etc.

Os procedimentos em drives danificados (HD, flash etc.) ocorrem em laboratório controlado e com equipamentos apropriados. Correções em nível lógico são executadas por analistas certificados. São ações de reparo em volumes RAID, RAID-Z, JBOD e LVM, contendo file systems EXT, XFS, JFS, ZFS etc.

Incluem-se datastores NFS usados por hypervisors.


Nota Legal: A Hosco recupera informações, mas não exerce manutenção em equipamentos. Todas as marcas comerciais, nomes ou logotipos, mencionados nesta página, são de propriedade de suas respectivas empresas.

IBM/LENOVO

NAS 100/200 5190-R12/5194-25T, Storwize V5000/V7000, PX4, etc.

HP/HPE/3PAR

ProLiant DL380, StorageWorks X500/1000-X9000, 1460-1660, XP

DELL/EMC

PowerVault NX430/440 NX3200 705/715/725/745N 770N, Isilon

ORACLE/SUN

ZS5/ZS7, ZFS 7120/7320/7420, J4410, DE2-24C, DE3-24P, etc.

QNAP

TS-212, TS-228A, TS-231P, TS-251, TS-431P, TS-451, 531X, etc.

SYNOLOGY

DS218/1019+, DX517, FS2017, RS2418rp, RS3617RPxs, SA3400

D-LINK

DNS-202L 320L/322L 323/326/345, DNS-1100/1550, DNS-1200

SEAGATE

NAS 220, NAS 400/420/440, NAS PRO 2/4/6-bay, entre outros

Western Digital

WD My Cloud PR2100/4100/EX2, Ultrastar Data60/102, Serv24/60

LACIE

2big Dock, 5big NAS Pro, 6big Thunderbolt, 12big Thunderbolt

ASUSTOR

AS1004T, AS4004T, AS6204T/6210T, AS6212RD, AS6208T, AS3104T

IOMEGA

Storcenter Ix2-200, Ix4-200d, Ix4-300d, PX4-300d/r, PX6-300d

SISTEMAS ATENDIDOS

São realizados procedimentos nos sistemas baseados em kernel Unix/Linux e Microsoft, incluindo implementações de código proprietário e aberto. São suportados volumes controlados por hardware ou software (MD RAID, LVM, ZFS, etc.).

DEBIAN

OpenMediaVault, etc.

UBUNTU

Ubuntu Server, etc.

RED HAT

Red Hat Enterprise, etc.

CENTOS

Rockstor, Fedora, etc.

386BSD

OpenBSD e NetBSD

FREEBSD

FreeNAS, XigmaNAS, etc.

SOLARIS

NAS baseado em ZFS

OPENSOLARIS

NexentaStor e OpenIndiana

PROBLEMAS
FREQUENTES

Falência em discos rígidos e SSDs

Low budget em disaster recovery

Ineficiência ou crash em Backup

Falha em processo de migração

Inconsistência em volumes RAID

Exclusão acidental de conteúdo

Dano em controladoras de drive

Dano por acesso não autorizado


DEPOIMENTOS

  • Depoimento 1

    "Tinhamos um cenário critico, um servidor BSD utilizado como NAS com 3 discos fazendo RAID-Z usando o sistema de arquivo ZFS e no mesmo configurado o serviço de iSCSI, onde nosso HYPER-V alocava os discos virtuais das nossas VMs, a Hosco recuperou toda estrutura de arquivos em pouco tempo."
    NAS com LUN Zvol iSCSI | Ano: 2018 | Cenário: DELL + 3x HD SAS + RAID-Z

  • Depoimento 2

    "Possuem larga experiência na recuperação de dados de sistemas de backup, bem como dispositivos de armazenamento NAS, discos rígidos, SSD e até mesmo mídias magnéticas. Em nome da Bacula Brasil e América Latina, recomendo os serviços da Hosco (nosso Parceiro Oficial para Recuperação de Dados)."

  • Depoimento 3

    "A Hosco atuou em uma recuperação de dados de um legado sistema AIX 5.0, muito antigo, instalado em um servidor IBM RISC formado com 30 discos em uma Library. Com muito profissionalismo, fizeram a recuperação dos dados. Recomendo a empresa pois tratam o assunto de forma seria e responsável."
    NAS de IBM RS/6000 | Ano: 2020 | Cenário: 7026 + 7133-D40 + 30x HD SSA

Fluxo de TRABALHO

A Hosco possui data center, laboratório próprio e equipe com certificações relevantes. Os projetos são elaborados por um analista de storage, especializado em recuperação de HDs. As tarefas são executadas por profissionais com muitos anos de experiência. O processamento e armazenamento das informações ocorre em uma estrutura computacional poderosa e segura. O ambiente para reparo em HDs segue os devidos compliances. A validação dos dados é apoiada por um analista de sistemas. Essas e outras qualidades garantem que os trabalhos realizados pela Hosco sejam mais ágeis, seguros e eficientes.

1) DIAGNÓSTICO

Análise dos dispositivos

2) ESTABILIZAÇÃO

Dispositivos normalizados

3) PLANEJAMENTO

Criação de algoritmo

4) EXTRAÇÃO

Extração de blocos

5) RECONSTRUÇÃO

Reconstrução de arquivos

6) VALIDAÇÃO

Teste de integridade

7) FINALIZAÇÃO

Fim do trabalho

8) ENTREGA

Entrega dos dados


SOBRE NAS

Network-Attached Storage é uma arquitetura de armazenamento em rede, comumente usada em redes ethernet locais, que fornece acesso (leitura e escrita) em nível de sistema de arquivos (através de file I/O), mediado por serviços NFS (network file system), CIFS (common internet file system), SMB (server message block), entre outros. Também é possível usar iSCSI.
Equipamentos high-end contendo sistemas com auto reparo de blocos (ZFS, BTRFS, etc.) oferecem alta disponibilidade e resiliência, sendo ideais para cenários com dados críticos. Appliances de menor custo são utilizados em residências e pequenas empresas.

Sobre NAS

A cronologia dos storages em rede começa, em 1983, com o lançamento do protocolo NCP, possibilitando acesso a sistemas remotos baseados em Novell NetWare. No ano seguinte, a Sun Microsystems lançava o protocolo NFS - sendo, até hoje, um dos mais usados em servidores de compartilhamento de arquivos. Consequentemente, outras empresas vieram a lançar seus protocolos e serviços de armazenamento.
Os sistemas customizados para NAS mais conhecidos são: FreeNAS, XigmaNAS (previamente chamado NAS4Free) e OpenMediaVault. Eles são fáceis de instalar (para uso comum, sem otimizações), leves e estáveis. O FreeNAS e NAS4Free - baseados em FreeBSD - fornecem suporte nativo a ZFS (incluindo RAID-Z), e o OpenMediaVault - baseado em Debian - suporta BTRFS. Eles proporcionam diversas vantagens quando bem configurados.

Sobre NAS

INCIDENTES

A causa principal da perda de dados em storages de rede é o dano em dispositivos de armazenamento (HD, SSD, flash drive, etc.). Muitos destes desastres são de caráter acidental e imprevisível, que ocorrem mesmo em ambientes implantados com rígidos critérios de compliances e adoção das práticas recomendadas.
Entretanto, um percentual significativo desses incidentes está relacionado com monitoração ineficaz do sistema e problemas na interpretação de marcadores (saídas de kernel e logs de erro) relacionados com hardware em condição de pré falha.

Incidente em NAS

Servidores de armazenamento com discos corrompidos apresentam alta latência, travamentos, picos de processamento nos drivers de file systems, overhead nas threads de I/O e naquelas relacionadas a serviços como SAMBA e NFS. Por fim, acontece o erro de montagem do volume que leva a sua indisponibilidade.
Os danos lógicos, em sua maioria, são causados por imperícia (deployments e alterações mal programadas), imprudência (exclusão de dados e dano na camada de metadados) e ações dolosas (comprometimento e exclusão proposital de conteúdo) relacionadas a vandalismo virtual e invasão de sistemas.
Embora seja raro, o write hole error também pode causar inconsistência em certas tecnologias RAID. A Hosco foi a primeira empresa nacional de data recovery a abordar este tema.

Incidente em NAS

SOLUÇÕES

A Hosco tem uma longa trajetória em recuperar dados de NAS, construída através de profissionais altamente qualificados e uma estrutura de nível enterprise. É uma empresa com casos reais de recuperação em cenários complexos e de maior porte.
A equipe tem extenso currículo em gestão de servidores e storages escaláveis que suportam altas cargas de processamento. São analistas com vivência real em estruturas de armazenamento gerenciadas por Unix-like e Windows. Estão inclusos volumes RAID, RAID-Z e baseados em LVM, assim como, filesystems centralizados (ZFS, BTRFS, UFS, VxFS, etc.) e sistemas distribuídos.
Estes atributos garantem eficiência, segurança e agilidade. Assim, são melhores os resultados em recuperação de NAS.

Laboratório de Hosco

As instâncias de trabalho são supervisionadas por analistas com LPI/LPIC, LPI-Japan, Oracle Storage Specialist, MCP Microsoft, entre outras certificações. São utilizados equipamentos padrão gold em data recovery. Todos os processos acontecem nas dependências da empresa e são executados por seus funcionários. Os dados são validados em data center composto de servidores e storages mid/high-end.
A equipe é apta para analisar drives exclusivos para cache e logs (comuns em tecnologias com volumes e sistemas de arquivos integrados). Esta habilidade auxilia na correção de erros em nível de file system e preservação de integridade dos arquivos recuperados.
Qualquer storage que apresente perda de acesso a informações críticas, deve ser encaminhado para a Hosco. Gestores e analistas devem evitar qualquer tentativa de reparo (além das soluções de backup e disaster recovery que já tenham sido testadas). Qualquer ação de reparo direto no ambiente degradado pode agravar o incidente e dificultar a recuperação dos dados.

Rack em data center de Hosco